Weby shortcut
 Breadys.jpeg

UFG Empreende capacita novas turmas em 2019

O Programa UFG Empreende, desenvolvido pelo CEI -  Centro de Empreendedorismo e Incubação encerrou, em fevereiro, a capacitação de novas turmas, beneficiando alunos da UFG, de outras instituições de ensino superior e comunidade.

Foram oferecidas três turmas de Empreendedorismo de Negócios, com foco no desenvolvimento de competências para a elaboração de plano de negócios, validação com clientes, fornecedores e parceiros,  e pesquisa de mercado. A outra turma foi de Empreendedorismo Social, visando a estruturação e desenvolvimento de organizações sem fins lucrativos.

Oportunidades

Após 35 anos de trabalho, a servidora pública Marcélia Barboza dos Santos já protocolou o pedido de aposentadoria, mas tem um novo projeto de vida.Entregar cafés e comidas leves em eventos sociais e de empreendedorismo.”Aprender a  pensar como empreendedora, solucionar problemas, e trabalhar com pessoas de diferentes lugares e idades foram experiências muito ricas, e que serão muito úteis para o meu empreendimento, explica Marcélia, aluna de Empreendedorismo de Negócios.

A interação entre universitários e pessoas da comunidade  foi um grande diferencial dessa edição do UFG Empreende, explica Luciana Padovez Cualheta, professora  do curso de Emprendedorismo de Negócios.” Esse olhar mais abrangente sobre as necessidades  e oportunidades do mercado resultou em bons projetos e os alunos evoluíram muito durante os cursos”, conclui Luciana.

Projetos

Foram 24 horas de aulas presenciais, no Centro de Aulas D, localizado na Praça Universitária e, 36 horas de atividades extraclasse. Os participantes que se enquadraram nos critérios participação, nas aulas, foram certificados.No final, os projetos foram avaliados por uma banca formada por empreendedores e  a classificação em cada turma foi a seguinte:

Empreendedorismo de Negócios

1º. Lugar

sustente

Sustente  – Kits de produtos sustentáveis como canudo de vidro, talheres de bambu, coletor menstrual, ecobag e copos permanentes

 Breadys.jpeg

Breadys –  pré – assados com massa à base de inhame e polvilho para quem busca alimentação saudável

Padaria Delivery.jpeg

Drive-thru Pão de Minuto – entrega em domicílio e outros locais

 

2º. Lugar

type.jpeg

Type – Aplicativo de relacionamentos baseado em testes de personalidade

 

Alcateia feminina.jpeg

Alcateia Feminina – Coletivo para auxiliar no desenvolvimento de potenciais da mulher

Guaraná.jpeg

Guaraná da Amazônia – Venda de produto da região norte para concorrer com o Acaí

3º.  Lugar

Flô.

Flô – Convites de Casamento feitos com pintura em aquarela

Guaraná.jpeg

Batom Motors -  Oficina Mecânica voltada para o público feminino

horta.jpeg

Mi Hort, Su Horta – Entrega de produtos orgânicos para quem não tem tempo de ir a supermercados



Empreendedorismo Social

1º. Lugar

 Jovens líders.jpeg

Jovens Líderes – Informações sobre oportunidades de formação e intercâmbio  em escolas e universidades públicas e privadas

2º. Lugar

Ama de leite.jpeg

Ama de Leite – Orientação e apoio a pais e responsáveis legais para lidar com alergias e intolerância alimentar e disponibilização de leite especial, especialmente na primeira infância

 

3º  Lugar

animAmor.jpeg

AnimAmor Silvestre -  Reabilitação e soltura de animais silvestes e conscientização sobre crimes contra animais

 

Impactos Sociais

 

Fernanda Arantes, professora do curso de Empreendedorismo Social  , afirma que os alunos dessa modalidade são pessoas engajadas que procuram causar impactos positivos na sociedade.”Porém é necessário pensar esses projetos de forma estratégica, desenvolver  o comportamento empreendedor e entender que sem fins lucrativos não significa lucro inexistente, mas reinvestimento para fortalecer a organização a longo prazo”, finaliza.

Luiz Carlos Santos Dutra, graduado em administração de empresas, pretende criar uma organização voltada para o desenvolvimento de pessoas.”Foi uma boa experiência para mim a participação no curso, acredito que ele pode ser aperfeiçoado, e ajudar  ainda mais empreendedores sociais” afirma.

Elenilton Mery dos Santos procurou o UFG Empreende para conhecer melhor o Empreendedorismo Social.Responsável pela contabilidade de organizações sem fins lucrativos, acredita que, agora, poderá melhorar ainda mais os serviços prestados.” Com essa capacitação, estou mais apto a entender o negócio do meu cliente, e ajudar até em outras áreas”, conclui.

CEI

O UFG Empreende já disponibilizou mais de 20 turmas, nos últimos 3 anos “Nosso objetivo é desenvolver características empreendedoras, mesmo em pessoas que não pretendem criar ou desenvolver um negócio, pois o mundo hoje  pede pessoas pró-ativas”, afirma Emilia Rosângela, gerente do CEI.

O Centro de Empreendedorismo e Incubação da UFG oferece, além de formação empreendedora, oportunidades para quem busca apoio par criar ou desenvolver um projeto ou empresa. Os editais para programas de incubação e pré-incubação são publicados no portal cei.ufg,br. Informações também pelos telefones  32096034 e 35212047 nas duas unidades do CEI.

Serviço

Assunto: UFG Empreende

Assessoria de Comunicação  CEI